ALBÂNIA onde há perseverança há esperança...

Para os Muçulmanos que buscam...

Para os Mulsumanos que buscam... IsaalMasih.net

22 de mai de 2010

Pastores com visão missionária

Pastores com visão missionária
Pr. João Falcão Sobrinho
Pastor Emérito da PIB de Irajá, Rio de Janeiro
Sermão Missionário


Os pastores são agentes formadores de opinião e de atitudes. Cada igreja segue o seu pastor, não propriamente o discurso dele, mas a sua vida.

A visão do pastor, queira ou não, acaba sendo a visão de sua igreja. Conheci um pastor que sempre dizia: “Minha igreja não pode levantar ofertas para missões nem contribuir para o Plano Cooperativo porque os seus membros são todos pobres, vivem em casas humildes e mal conseguem o sustento para suas famílias”.

As senhoras da igreja, segundo alegava a esposa do pastor, que partilhava da mesma visão, também jamais enviaram um centavo para o Dia de Educação Cristã.

O templo daquela igreja, onde estive por duas vezes, era uma construção antiga, carecendo com urgência de alguns reparos e pintura. Os banheiros estavam em estado lastimável.

 Aquele pastor foi para outra igreja no interior e eles convidaram um novo obreiro. Este, logo começou a doutrinar a igreja sobre missões, sobre mordomia e vida cristã. Ele e sua esposa eram crentes de muita visão e passaram a sua visão bíblica para a igreja.

 A visão de Cristo. Em poucos meses, a igreja já estava integrada no Plano Cooperativo, levantou significativas ofertas para missões nacionais e missões mundiais.

A MCA enviou sua oferta do Dia de Educação Cristã para a União Feminina e a igreja começou a crescer. Três anos depois, quando voltei àquela igreja, seu templo estava todo pintado, o terreno limpo, sem mato, os banheiros tinham recebido boa reforma e estavam em ótimas condições de uso. Posteriormente, já com outro pastor, aquela igreja conseguiu regularizar a situação da sua propriedade, adquiriu mais dois terrenos contíguos e hoje tem uma propriedade valiosíssima.

 Pastores com visão abençoam suas igrejas. Aqueles mesmos irmãos, que antes não podiam contribuir porque eram pobres, agora também estavam sendo abençoados em sua vida particular porque passaram a sentir-se, como os crentes da Macedônia, embora pobres de bens materiais, riquíssimos em generosidade.

Pastores sem visão missionária atrasam e emperram o crescimento das suas próprias igrejas e desestimulam a melhoria da qualidade de vida dos seus membros.

Isto não é teoria de gabinete, mas a experiência de um pastor que por 50 anos pastoreou várias igrejas, sempre doutrinando sobre mordomia, missões, evangelismo e vida cristã e teve a alegria de ver as igrejas crescendo sob todos os aspectos e os crentes sendo abençoados na sua vida particular.

Minha esposa e eu amamos missões. Nós oramos todos os dias, nominalmente, pelos nossos missionários.

Não somente pelos aniversariantes, indicados no Manancial , mas por muitos outros que estão em nossa lista de orações. Todas as igrejas, por onde passamos, sempre foram liberais em contribuir para o Plano Cooperativo e para enviar as ofertas missionárias, mesmo quando em obras nas suas propriedades.

Ficamos felizes quando vemos os crentes amando missões e contribuindo, liberalmente, para missões porque sabemos que assim eles mesmos serão abençoados.

Estamos sempre orando para que Deus abra a visão de todos os pastores  do Brasil para a obra missionária.

Ore por isso você também. A visão missionária abençoa o ministério. A visão da obra missionária que tanto abençoa o ministério, as igrejas e os crentes dependem essencialmente de três fatores:

Primeiro – uma profunda identidade com Cristo pela leitura devocional sistemática da Bíblia e pela oração não-formal do púlpito, mas sentida no coração no recôndito do quarto fechado.

Segundo – um coração cheio de amor pelos pecadores perdidos de todo o mundo. Que amor a Jesus pode dizer que possui o pastor que não busca levar sua igreja  a cumprir a grande comissão de Jesus?

Terceiro – amor pela sua própria igreja. A visão missionária  do pastor é bênção para a igreja. Que amor pode declarar por sua igreja o pastor que não estimula  o crescimento das suas ovelhas na visão da sua própria missão.

Em Provérbios, 11.30, lemos: “O fruto do justo é árvore da vida e o que ganha almas sábio é”.

 A maior sabedoria que um pastor pode demonstrar como elemento formador de opinião e de atitudes é ter ele mesmo uma visão profunda da sua responsabilidade missionária pessoal a fim de levar sua igreja a ser abençoada na práticade evangelismo e missões.

Visão missionária, visão espiritual e visão pastoral não se adquirem no Seminário, mas na prática de uma vida pessoal de devoção e amor a Jesus.

Então, por amor e em obediência a Cristo, vamos incentivar nossas igrejas a levar o Evangelho até os confins da Terra?


Em Provérbios, 11.30, lemos: 
“O fruto do justo é árvore  da vida e o que ganha almas sábio é”.


Nenhum comentário: